USP quer preparar pós-graduandos para a docência

05/07/2017 14:05

Falta de discussão e de valorização da carreira docente dificulta a formação de professores universitários.

A vocação docente está prevista como fim da pós-graduação desde o seu primeiro plano nacional, publicado em 1965. Mas, desde então, novas possibilidades de carreiras surgiram e tomaram o espaço da prática docente no mestrado e doutorado. É o que observa Carlos Gilberto Carlotti Jr., pró-reitor de Pós-Graduação da USP.

“Por isso, erroneamente questionam se o pós-graduando deve ter habilidades pedagógicas”, diz Carlotti. “Independentemente do seu ramo de atividade, o estudante deve ter uma formação didático-pedagógica, porque assim ele desenvolverá uma série de habilidades de raciocínio, contextualização e de apresentação de ideias.”

Para preencher a lacuna no ensino da docência aos mestrandos e doutorandos, a Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG) da USP criou, no ano passado, um grupo de estudos para formular práticas de formação didático-pedagógicas aos alunos da pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado).
(mais…)

Aplicativo encontra artigo científico

05/07/2017 14:02

O físico Peter Vincent e o estudante Benjamin Kaube, ambos do Imperial College London, criaram um aplicativo para celulares e computadores chamado Canary Haz, que permite acessar com rapidez artigos em revistas científicas. Semelhante ao Spotify, aplicativo que facilita o acesso a milhões de músicas on-line, o Canary Haz conecta-se automaticamente a cerca de 5 mil publicações, a ferramentas de busca de trabalhos acadêmicos, como o Google Scholar, e a sites de bibliotecas universitárias para encontrar uma versão em PDF do artigo procurado. Se o pesquisador tiver acesso limitado a bases acadêmicas de dados, o aplicativo busca versões gratuitas do artigo em acervos de instituições ou em preprints. Kaube, um dos fundadores da startup Newsflo, que mede o impacto dos artigos científicos e foi comprada pela editora Elsevier, começou a pensar em desenvolver o aplicativo ao iniciar a redação de sua tese de doutorado e perceber a dificuldade de acesso a artigos. “Comparado ao Netflix e ao Spotify, é um processo antiquado”, ele comentou, em entrevista ao boletim do Imperial College de 30 de maio. “Os pesquisadores perdem horas pulando de um site para outro para vencer as barreiras das editoras e conseguir os artigos que desejam”, acrescentou Vincent. Os pesquisadores ressaltam que o aplicativo não promove a pirataria de artigos científicos de acesso fechado, como o site russo Scihub. Ele apenas facilita encontrar PDFs de trabalhos que estão escondidos em repositórios da internet.

Fonte: Revista Pesquisa FAPESP

Edital Bolsa 2017

28/06/2017 17:43

Está aberto Processo Seletivo de Bolsas PPGN 2017.

Os interessados deverão entregar os documentos presentes no edital entre os dias 03 e 14 de julho de 2017, das 10 às 12 horas e das 14 às 16:00 horas, durante horário de atendimento da Secretaria do PPGN, ou via correio. Salientamos que as inscrições devem ser feitas em envelope lacrado e com identificação do candidato na frente do envelope.

Aos alunos que ingressarem em 2017 e que queiram participar do edital de bolsa devem já ter entregue o certificado de proficiência para poder ser gerado o número de matrícula necessário para a inscrição. Aos que ainda não entregaram, pedimos que atentem ao prazo enviado por e-mail.

Para acessar o edital basta ir no menu lateral em “Seleção > Bolsa” ou pelo link: http://ppgn.ufsc.br/inscricao-e-selecao/bolsa/

Secretaria do PPGN

[Atualizado 31/07/2017] Resultado do processo seletivo de bolsa 2017

Revisores imortalizados em escultura

26/06/2017 14:04

A exemplo da escultura em homenagem ao escritor anônimo instalada no Castelo de Vajdahunyad, em Budapeste, Hungria, um monumento inaugurado na Rússia homenageou um personagem improvável: os revisores ad hoc, pesquisadores que avaliam artigos submetidos para publicação. Desvelado em 26 de maio durante cerimônia que contou com a presença de mais de 100 pessoas nas dependências da Escola Superior de Economia da Universidade Nacional de Pesquisa de Moscou, o monumento de 1,5 tonelada é resultado de uma campanha de financiamento coletivo que atraiu apoio de diversos pesquisadores. O bloco de pedra tem a forma de um dado, exibindo em cada lado os resultados possíveis de uma revisão por pares: aceito, alterações mínimas, mudanças importantes, revisto e reenviado e rejeitado. A ideia para o monumento surgiu em 2016, quando o diretor da instituição pediu sugestões do que fazer com um bloco de pedra próximo à entrada da escola. A proposta de se fazer um monumento em homenagem aos revisores partiu de Igor Chirikov, sociólogo da instituição. Além de estampar os resultados possíveis do processo de revisão por pares, as faces do bloco de pedra trazem impressos os títulos de artigos de pesquisadores que contribuíram para a campanha. “A revisão por pares na academia é uma história de amor e ódio, mas os revisores são heróis invisíveis no mundo da ciência”, disse Chirikov à revista Nature.

FONTE: Revista Pesquisa FAPESP

 

Manual busca popularizar compostagem

25/06/2017 22:07

Disponível gratuitamente na Internet, publicação orienta sobre a prática em ambiente doméstico, comunitário e institucional.

Por WALESKA BARBOSA

Os orgânicos representam cerca de 50% dos resíduos urbanos gerados no Brasil. Apesar disso, apenas 1% desse total é destinado a compostagem. Para popularizar a prática e disseminar conhecimento sobre a reprodução do ciclo dos resíduos orgânicos, está disponível gratuitamente na Internet a publicação Compostagem Doméstica, Comunitária e Institucional de Resíduos Orgânicos: Manual de Orientação.

O manual é o primeiro resultado do Acordo de Cooperação Técnica firmado em 2015 entre a Secretaria de Recursos Hídricos e Qualidade Ambiental do Ministério do Meio Ambiente, o Serviço Social do Comércio de Santa Catarina (Sesc/SC) e o Centro de Estudo e Promoção da Agricultura de Grupo (Cepagro). A parceria tem por objetivo estabelecer intercâmbio de experiências, informações, material técnico, metodologias e tecnologias referentes à gestão comunitária e institucional de resíduos orgânicos, associada à agricultura urbana e à educação ambiental.

Com linguagem acessível e ilustrações lúdicas, o manual traz técnicas de compostagem doméstica, comunitária e institucional de resíduos orgânicos e aborda o “Método UFSC” (em referência à Universidade Federal de Santa Catarina, onde foi mais estudado e adaptado às condições brasileiras), que consiste em uma estratégia segura e de baixo custo.
(mais…)

Vídeo apresentando parte de tese de Nutrição da UFSC sobre Habilidades Culinárias de estudantes universitários vence competição de divulgação científica internacional (Imagine PanGea)

22/06/2017 14:59

Um vídeo apresentando parte do estudo desenvolvido na tese de doutorado  de Greyce Luci Bernardo, professora do Departamento de Nutrição da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Nutrição da UFSC, ficou entre os três melhores na classificação geral do concurso Imagine-PanGea.  O Projeto Imagine, em parceria com a SBPC, RedPOP e African Gong, organizou a primeira competição de comunicação científica multilinguística e multicultural, que teve como foco os públicos da América Latina, Caribe e África. A competição Imagine-PanGea teve por objetivo buscar a aproximação entre os pesquisadores e as populações vulneráveis de diferentes países em desenvolvimento, por meio da divulgação da ciência. Para participar, os candidatos deveriam gravar um vídeo, de até 3 minutos, explicando sobre sua pesquisa em uma linguagem que pudesse ser compreendida por todos.

Concorreram 57 candidatos de diferentes países avaliados por um júri internacional. O melhor de cada continente e os três melhores da classificação geral receberão o certificado de Comunicador Científico de Excelência e terão seus vídeos traduzidos para mais de dez idiomas e divulgados nas redes que apoiam o concurso.

A tese intitula-se “Programa de intervenção sobre habilidades culinárias: adaptação, aplicação e avaliação do impacto nas práticas alimentares de estudantes universitários no Brasil” e a defesa será realizada em 07 de julho próximo, a partir das 14 horas, no Laboratório de Ensino à Distância da UFSC. O projeto é coordenado pela professora Rossana Pacheco da Costa Proença, orientadora da tese, e está inserido no Núcleo de Pesquisas de Nutrição em Produção de Refeições (NUPPRE-UFSC). Conta ainda com a parceria da professora Margaret Condrasky, da Clemson University, Carolina do Sul (EUA), local no qual a doutoranda realizou seu estágio de doutorado sanduíche com bolsa da Capes.

Link para o vídeo (em português)

https://www.youtube.com/watch?v=rpSwj5TFsUU&feature=youtu.be

 As informações atualizadas sobre a divulgação dos vídeos em outras línguas podem ser acompanhadas nos links abaixo:

www.imagine-pangea.com
www.facebook.com/UFSCProjetoImagine/

 Esses são os 4 vencedores do Imagine-PanGea 2017:

Imagem inline 1