UFSC » PPGN
Programa de Pós-Graduação em Nutrição

Dia do Nutricionista
Publicado em 22/08/2014 às 9:12 am

dia do nutricionistadia do nutricionista verso

Convite e programa da 21º Festa da Cultura Açoriana de Santa Catarina
Publicado em 20/08/2014 às 6:35 pm

convite_abertura_21acor_floripa_2014_web (1)

Clique aqui e confira o folder de programação completa da festa.

Publicado em 20/08/2014 às 6:31 pm

Logo_ScienceSlam_euraxess_CMYK

 

EURAXESS Science Slam Brazil 2014

 Ainda dá tempo de participar do concurso em comunicação científica e concorrer a uma viagem à Europa!

Aberto a todos os pesquisadores ativos no Brasil (doutorandos e em diante), de todas as nacionalidades e em todas as áreas, o concurso dá aos pesquisadores a chance de apresentarem suas pesquisas de maneira original e criativa.

Para participar, inscreva-se até o dia 15 de setembro, enviando um vídeo simples de até três minutos, descrevendo como será a sua performance ao vivo. Os autores dos 5 melhores vídeos participarão da final no Rio de Janeiro, com tudo pago. E concorrerão a uma viagem à Europa, onde o vencedor participará de um curso de comunicação científica e poderá visitar uma instituição de pesquisa à escolha.

final do EURAXESS Science Slam Brazil 2014 acontecerá na Casa da Ciência, no Rio de Janeiro, em 10 de outubro de 2014.

www.scienceslambrazil.euraxess.org

Indústria de alimentos descumpre acordo de reedução de sódio, mostra teste do IDEC
Publicado em 20/08/2014 às 6:29 pm

Dos 291 produtos avaliados, 32 não se adequaram às metas firmadas com o governo para diminuir a quantidade da substância que, se consumida em excesso, prejudica a saúde

RIO – Pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) mostra que fabricantes de alimentos estão descumprindo o acordo para redução de sódio firmado com o governo em 2011. Dos 291 produtos avaliados, 32 deles, o equivalente a 11% do total, possuem mais sódio do que o teto estabelecido. São macarrões instantâneos, pães de forma, bolos, biscoitos e temperos das marcas Adria, Nissin, Renata, Vigor, Jabal Sanin, Nutrella, Casa Suíça, Pullman, Mabel, Marilan, Parmalat, Piraquê, Nestlé, Bauducco, Pringles, Qualitá, Hikari, Sabor Ami, Maggi, Arisco, Kitano, Sazon e Knorr. Veja a lista completa dos produtos que desrespeitam a meta aqui. A diferença entre o valor acordado e o presente no alimento pode ultrapassar os 80%, como é o caso de dois biscoitos da marca Mabel e da batata Pringles.

O Plano Nacional para Redução do Consumo de Sal foi elaborado pelo Ministério da Saúde em 2011, e prevê a redução voluntária de níveis de sódio processados em alimentos vendidos em restaurantes e supermercados. O objetivo é aumentar a oferta de alimentos saudáveis. Apesar de o sal de cozinha ser a principal fonte de consumo de sódio, a presença dele nos alimentos industrializados vem crescendo e preocupando autoridades em saúde, ressalta Ana Paula Bortoletto, nutricionista do Idec. O acordo foi firmado com as Associações Brasileiras das Indústrias de Alimentos (Abia), de Massas Alimentícias (Abima), de Trigo (Abitrigo) e de Panificação e Confeitaria (Abip).

- Embora os acordos não sejam obrigatórios, a expectativa do Idec era de que todos os produtos tivessem atingido as metas estabelecidas, já que são brandas, muito próximas à quantidade já presente da substância nesses alimentos. Outro agravante, é que o acordo, por ser voluntário, não prevê punição às empresas que o desrespeitam, apesar de ser responsabilidade do Ministério da Saúde e Anvisa (Agência Nacional de Vigilância em Saúde) monitorar o cumprimeito – analisa Ana Paula.

A Organização Mundial de Saúde recomenda a ingestão de, no máximo, 2g de sódio por dia, mas a média de consumo do brasileiro é o dobro disso.

- O sódio está atrelado à regulação da pressão sanguínea. E se consumido em excesso, sobrecarrega as funções do sistema circulatório, causando problemas renais e cardiovasculares – explica Ana Paula.

Àqueles que têm dificuldades de viver com pouco sal, a nutricionista orienta que o substituam, na preparação dos alimentos, por ervas como manjericão, pimenta e alecrim:

- É tudo uma questão de reeducação, pois o paladar se acostuma.

Abia e Ministério da Saúde foram procurados pelo GLOBO para comentar sobre o assunto, mas não retornaram os contatos.

Metas estão acima do já praticado pela indústria, diz IDEC

Desde 2011 o Idec monitora o acordo e critica as metas estabelecidas pelo governo, por serem pouco ambiciosas. Quatro pesquisas realizadas pelo instituto ao longo desse período constataram que grande parte dos produtos já possuía, antes do acordo, menos sódio do que o indicado nos termos de compromisso. Ou seja, não precisaram realizar mudança alguma em suas fórmulas, pois já estavam adequados.

Para fazer o teste este ano, o Idec levou a laboratório, entre março e abril, 291 alimentos que aderiram ao acordo, para verificar a quantidade de sódio presente em cada um deles.

O que dizem as empresas

A Nissin informou que já realizou ajustes em suas formulações para adequar os produtos ao termo de compromisso. Disse, ainda, ter realizado sete análises do produto macarrão instantâneo sabor galinha caipira, citado nesta avaliação, em períodos distintos e em diferentes laboratórios, e que todos os resultados apresentaram-se dentro dos padrões estabelecidos. A Vigor garante que o macarrão instantâneo sabor galinha tem teor de sódio dentro da meta estabelecida, e que a empresa está adequando a rotulagem de acordo com as informações nutricionais dos produtos.

A Pandurata, fabricante dos produtos Bauducco, informa que a descrição e dados disponibilizados na pesquisa do Idec referem-se ao biscoito amanteigado “Biscoito sabor leite com gotas sabor chocolate”, categoria que não faz parte do acordo firmado em relação às metas de redução de sódio, que se restringe apenas à categoria de recheados. A Piraquê informou que todos os resultados já foram reformulados e encontram-se dentro dos parâmetros acordados. A Nestlé, que produz Maggi e Negresco, garante que os produtos citados na análise atendem às especificações expressas no acordo. A Qualitá informou que todos os seus produtos são devidamente analisados e aprovados sob a ótica das leis que regem a produção e a oferta de alimentos. Informou, porém, que não é signatária do acordo voluntário mencionado pela pesquisa.

A Marilan diz que desde maio o biscoito Maria apresenta resultado dentro da nova meta para 2014 (359mg/100g). A Hikari informa que os valores declarados no rótulo estão dentro da meta de redução, de acordo com variação permitida por lei. A Ajinomoto, detentora das marcas Sabor Ami e Sazon, reconheceu que os produtos não atendem à meta do acordo. No entanto, disse que, de acordo com a legislação sanitária, que permite a variação de 20% com relação aos valores de nutrientes declarados no rótulo, está adequada. A PepsiCo, detentora da Mabel, informou que dos 14 produtos analisados da companhia, dez já atingiam as metas de redução de sódio estabelecidas no acordo, e somente quatro produtos não estavam em consonância à época das análises realizadas pelo instituto. “Desde então, estes quatro produtos já conseguiram atender à primeira fase de redução”,complementou em nota.

A Unilever, detentora das marcas Arisco e Knorr, esclarece que o tempero Meu Arroz Tradicional já passou por reformulação e, até o início de 2015, estará disponível em conformidade com a meta de 2013. Com relação ao caldo de galinho da marca Arisco, a Unilever esclarece que o produto atende à meta estabelecida no acordo. A Selmi, detentora da marca Renata, disse que, a partir dos valores apresentados pelo teste, realizou, em dois laboratórios certificados pela Rede Brasileira de Laboratórios Analíticos em Saúde, análise técnica dos produtos mencionados. “Essas avaliações foram realizadas em produtos do mesmo lote analisado pelo Idec, e constataram que os resultados obtidos demonstram o teor sódico abaixo do rotulado atualmente, invalidando os valores divulgados pelo instituto.

Adria, Nutrella, Casa Suíça, Pullman, Kitano e Pringles não retornaram os contatos do GLOBO. As fabricantes do pão de forma Jabal Sanin e dos biscoitos Parmalat não foram encontradas para comentar os resultados da pesquisa. A assessoria desta última informou que a divisão biscoitos não é de sua responsabilidade, mas não soube informar o contato.

site da notícia

CONCURSO PÚBLICO PROFESSOR ADJUNTO – 40 HORAS
Publicado em 20/08/2014 às 6:28 pm

ÁREA: ALIMENTAÇÃO COLETIVA

TITULAÇÃO: DOUTORADO

PERÍODO INSCRIÇÃO: 04/08/2014 a 03/09/2014

LOCAL: Instituto de Nutrição, localizado no Pavilhão João Lyra, na Rua São Francisco Xavier, 524 – Maracanã – Rio de Janeiro, Bloco D, 12º andar sala 12026, no horário de 08:00 horas até 12:00 horas,telefone (21) 2334 0270 ramal 215.

EDITAL DISPONÍVEL: http://srh.uerj.br/docente/saida.asp

CAMPANHA = REDE ASBRAN E FILIADAS
Publicado em 20/08/2014 às 6:24 pm

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

A Rede Asbran e Filiadas, dando continuidade nas ações da campanha nacional para estimular a redução do consumo de sal e açúcar, lançou mais uma peça e release desta campanha. Divulguem!!

Campanha para redução de açúcar e sal destaca orientações sobre rótulos

A Rede Asbran e Filiadas lança mais uma etapa da campanha nacional que busca incentivar a redução do consumo de sal e açúcar na população brasileira. Este mês, quando se comemoram os 65 anos de criação da Associação Brasileira de Nutrição e o DIA DO NUTRICIONISTA, ambos dia 31, a campanha pretende despertar o profissional e estudante para a prática da redução do consumo de sal e açúcar no dia a dia, envolvendo pacientes, familiares e amigos. Também destaca a importância de se observar com atenção as informações contidas nos rótulos de alimentos.

“Ler os rótulos dos alimentos é fundamental, pois eles trazem dados sobre a composição e a origem dos produtos, possibilitando melhor controle e redução de riscos relativos a doenças específicas, que possam envolver estes alimentos. A maioria da população se importa apenas com a quantidade de calorias descrita na embalagem, mas é importante saber que não são apenas as calorias que ditam uma dieta balanceada e que muitos componentes alimentares determinam os resultados de uma alimentação adequada para a saúde humana”, explica a nutricionista Telma Oliveira, da equipe Asbran.

Todo produto deve apresentar as informações nutricionais no rótulo. Ao comprar um alimento, observe se o rótulo contém a tabela nutricional mais os dados do fabricante, o lote, os prazos de validade. Avalie na informação nutricional o valor energético, proteínas, gorduras, carboidratos e fibras, e valores de ingestão diários. Saber identificar os dados na rotulagem do alimento é importante (como, por exemplo, alta quantidade de sódio e açúcar), pois os excessos podem ser prejudiciais à saúde.

IDENTIFICANDO A QUANTIDADE DE SAL E AÇÚCAR

A porção citada no rótulo é a quantidade média do alimento que deve ser consumida por pessoas saudáveis. O sódio está presente no sal de cozinha e em grande quantidade nos alimentos industrializados, entre eles os embutidos, pacotes de salgadinhos e conservas. O excesso de sódio prejudica muito o organismo humano, provocando retenção de líquidos e aumento da pressão arterial. Vale lembrar que não adianta controlar o sódio nos alimentos industrializados se não diminuir o sal no preparo de alimentos. Portanto, equilibre toda a refeição.

A recomendação do consumo máximo de sódio de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) é de 2000mg (2g) de sódio por pessoa ao dia, equivalente a 5g de sal, sendo que 40% do sal são compostos de sódio. Se a quantidade de sódio for superior a 400mg, em 100g do alimento, o alimento é considerado rico em sódio e deve ser evitado. Açúcares no rótulo indicam a quantidade de açúcar contido nos alimentos, mas nem todos os produtos separam o açúcar do carboidrato na tabela. Fique atento a isso, especialmente se a quantidade de ambos for elevada. Outra informação a observar é que o açúcar tem diversos nomes nos rótulos: açúcar mascavo, açúcar cristal, mel, xarope, melado, glicose, dextrose, maltose, concentrados de frutas, entre outros. Segundo a OMS, as recomendações para o

consumo de açúcar simples, do total dos açúcares ou carboidratos da dieta, foram reduzidas de 10% para 5% do total das calorias diárias. Atenção para a ingestão de bebidas, massas, doces, pães e,

principalmente, no açúcar presente nos sucos de frutas.

JUNTE-SE A NÓS

A campanha pela redução do consumo de sal e açúcar, promovida pela Rede Asbran e Filiadas, vem recebendo importantes apoios, como o dos ministérios da Saúde (CGAN), do Desenvolvimento Social e Combate à Fome; de universidades federais; Sistema CFN-CRNs; Rede Nutri; Sindicato dos Nutricionistas da Bahia e de Goiás; organizações não-governamentais, como Ideias na Mesa; entre outras entidades ligadas ao segmento da Nutrição.

SERVIÇO – A campanha será realizada até dezembro de 2014 e incluirá textos de orientação e informação no Portal da ASBRANwww.asbran.org.br. Para falar sobre ela e seu foco, faça contato com a Assessoria de Comunicação. Deseja receber as imagens em alta resolução, solicite à Assessoria de Imprensa.

I Semana de Integração da Pós-Graduação
Publicado em 20/08/2014 às 10:32 am

UFSC_APG_PRPG_Cartaz_A3_I_Semana_Integracao_2014_2No dia 25, 26 e 27 de agosto de 2014 acontecerá a I Semana de Integração da Pós-Graduação da UFSC, realizada pela Associação de Pós-Graduandos da UFSC (APG) em parceria com a Pró Reitoria de Pós-Graduação da UFSC (PROPG).

Convidamos a todos os alunos, professores e servidores do PPGN para participarem do evento.

Para maiores informações acessem o site: www.apgufsc.blogspot.com.br

4th International Symposium on Metabolic Programming and Stress & 1st Meeting of Ibero-American chapter of DOHaD.
Publicado em 13/08/2014 às 1:51 pm

4th internacional symposium on metabolic programming and stressDias 14 à 16 de novembro de 2014 acontecerá em Ponta Grossa, Paraná, o 4º Simpósio Internacional sobre Programação Metabólica e Stress (tradução livre).

As inscrições e informações para o evento podem ser feito no site: http://www.dbc.uem.br/4SymMPS.htm

A programação do evento pode ser acessada neste site: http://www.dbc.uem.br/Program4ISPMS.pdf

Aula Inaugural 2014
Publicado em 05/08/2014 às 5:00 pm

cartaz aula inaugural PPGN 2014  O Programa de Pós-Graduação em Nutrição convida a todos para Aula Inaugural do segundo semestre de 2014, com palestra do Prof. Gilberto Kac (UFRJ) com tema: “Panorama da Pós-graduação em Alimentação e Nutrição no Brasil“.

O evento ocorrerá no dia 12 de agosto, terça-feira, às 09h, no Auditório da Pós-graduação, Bloco H do Centro de Ciências da Saúde.

Acolhimento PPGN
Publicado em 04/08/2014 às 5:14 pm

Olá a todos acadêmicos do Programa de Pós-graduação em Nutrição, seguem os horários e locais das aulas e sessões referentes ao Acolhimento PPGN 2014.

04/08/2014

Reunião com mestrandos, doutorandos e professores que quiserem participar

Auditório – Bloco H – CCS

8:30 – Reunião com novos alunos de mestrado e doutorado – Turma 2014

10:00 – Reunião com alunos antigos – Mestrado e Doutorado

———————————————————————————————————————————————————————————-

13:30 – Primeira aula da disciplina: Métodos de Pesquisa de Nutrição em Produção de refeições (alunos matriculados) – Sala PPGN – 4º Andar Bloco H

 

05/08/2014

13:30- Primeira aula da disciplina: Seminários de Tese II (Doutorandos Turma 2013)

Sala 3 – 1º andar Bloco H

 

06/08/2014

8:30 – 12:00 – Curso de Pesquisa em Base de dados

Responsável: Juliana – Sala de Informática do CCS-UFSC

———————————————————————————————————————————————————————————-

13:30 – Primeira aula da disciplina Delineamento de projetos de pesquisa (Doutorandos Turma 2014)

Sala 1 – 1º andar Bloco H

 

07/08/2014

 

13:30 – 17:00 – Curso de Aprimoramento em apresentações no power point

Responsável – Alyne – Sala de Informática do CCS-UFSC

 

08/08/2014

8:30 – 12:00- Curso de Noções básicas de nova ortografia aplicada à Nutrição e Redação Científica.

Responsável: Ana Carolina – Sala 3 – 1º andar Bloco H

  • 1960 - 2010 - Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) | Central Telefônica - (48) 3721-9000
  • Última atualização do site foi em 25 de agosto 2014 - 15:47:20
SeTIC
Páginas UFSC